24 abr 2020

Uso de Biossurfactantes: a decisão inteligente no atual cenário de mudanças na cadeia soja/biodiesel

Biossurfactantes eficientes aumentam a digestão e absorção de nutrientes, em especial da gordura, Eles maximizam os processos de hidrólise. Saiba mais no artigo de Patricia Aristimunha!

Uso de Biossurfactantes: a decisão inteligente no atual cenário de mudanças na cadeia soja/biodiesel

Conteúdo disponível em:
Español (Espanhol)

Mais de 70% dos custos de produção de aves está relacionado à alimentação e, portanto, para obter melhor retorno do investimento (ROI) é necessário o uso de ingredientes de qualidade e alto valor nutricional, além de aditivos que promovam a estabilidade e melhor aproveitamento destes. Para obter-se um melhor ROI, diferentes fontes de óleos e gorduras são inclusas na ração, com o objetivo de fornecer ácidos graxos essenciais, reduzir o incremento calórico, aumentar a densidade energética, melhorar a palatabilidade e aspectos físicos, além de facilitar a peletização da dieta.

biossurfactantes lysoforte kemin

As fontes de gordura podem ser de origem animal, ricas em ácidos graxos saturados e com tendência a serem sólidas, dependendo da fonte, ou de origem vegetal, em geral ricas em ácidos graxos insaturados e na forma líquida. Entre as mais utilizadas na alimentação das aves estão o óleo degomado de soja e as gorduras animais (especialmente de aves e suínos).

Segundo dados da Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (ABIOVE), em 2019 o Brasil produziu 8,6 milhões de toneladas (Mt) de óleo de soja, sendo que 7,8 Mt ficaram no mercado interno e, deste volume, 4,1 Mt (53%) foram destinadas à produção de Biodiesel. Dentre as matérias primas utilizadas na produção do biodiesel (B10) em 2018, o óleo de soja representou 70% do volume e a gordura animal, 16% (Tabela 1).

biossurfactante lysoforte kemin

Tabela 1. Matérias primas utilizadas na produção de biodiesel (B10) no Brasil – 2014 a 2018

O preço do óleo de soja degomado registrou significativa alta no mercado brasileiro, chegando a R$ 3.646,97/tonelada na cidade de São Paulo em dezembro de 2019, o maior patamar nominal da série do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA), iniciada em julho de 1998.

Continua después de la publicidad.
HENDRIX br
cobb br
Ceva
Evonik 0722

Segundo pesquisadores do CEPEA, o aumento está atrelado à baixa disponibilidade do derivado nas indústrias, em um momento em que a demanda doméstica segue bastante aquecida. No geral, o movimento de alta nos valores do óleo de soja é verificado desde agosto de 2019, quando notícias começaram a indicar aumento na quantidade mínima obrigatória da mistura de biodiesel ao óleo diesel – que passou de 10% (B10) para 11% (B11) em 1º de setembro de 2019 (Resolução CNPE Nº 16 DE 29/10/2018). Desde então, a liquidez no mercado brasileiro de óleo de soja cresce significativamente.

A mesma resolução prevê que os percentuais mínimos de adição obrigatória de biodiesel irão crescer gradativamente nos próximos anos, alcançando 12% em 2020 (projetado uso de 57% do óleo de soja do mercado interno para esse fim) e 15% em 2023, o que remete a uma perspectiva de aumento ainda maior nos preços e menor disponibilidade de produto de qualidade para uso na nutrição animal, a partir desse ano.

biossurfactante lysoforte kemin

Figura 1. Perspectivas do complexo soja no Brasil em 2020 (milhões de toneladas). Fonte: ABIOVE, 2019

Algumas das estratégias para contornar esta conjuntura são:

Controle e análises dos fatores que afetam a qualidade das gorduras, principalmente no que tange os processos oxidativos;

Uso de ferramentas que controlem a perda nutricional oxidativa e os danos que o processo oxidativo promove à saúde animal;

Alternativas que melhorem a utilização da gordura pelo animal e que ofereçam, portanto, um bom custo/benefício das dietas e uma menor dependência desta matéria prima, já que podem promover a retirada parcial de gorduras da dieta, mantendo o resultado zootécnico.

Antioxidantes são substâncias que prolongam o período de conservação de rações, premixes, óleos e gorduras, protegendo-os contra a deterioração causada pela oxidação, processo químico irreversível no qual oxigênio molecular se combina com nutrientes resultando na rancificação, redução da qualidade e valor nutricional do alimento. O produto antioxidante ideal deve contemplar uma excelente capacidade de sequestrar radicais livres, conter quelantes metálicos, visando diminuir a capacidade pró oxidativa de alguns metais, além de surfactantes para facilitar a homogeinização, já que as moléculas antioxidantes normalmente são lipofílicas e os radicais livres hidrofílicos.

biossurfactantes

Produtos que maximizem a digestão e absorção de lipídeos, como os biossurfactantes, são ferramentas importantes para obter o melhor ROI das dietas. Biossurfactantes eficientes aumentam a digestão e absorção de nutrientes, em especial da gordura. Eles maximizam os processos de hidrólise, emulsificação e absorção de gorduras, além do aproveitamento das vitaminas e pigmentantes lipossolúveis.

biossurfactantes

Um estudo foi conduzido na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) para avaliar os efeitos do biossurfactante LYSOFORTE® eXtend na qualidade de pellet, performance zootécnica e deposição de gordura abdominal em frangos de corte recebendo dieta a base de milho e farelo de soja (com inclusão de óleo degomado de soja), com duas diferentes matrizes de reformulação.

Neste ensaio, 1.400 frangos de corte machos Cobb x Cobb 500 de 1 dia de idade foram alojados em 56 boxes experimentais em galpão climatizado.

Frangos recebendo LYSOFORTE® eXtend on top apresentaram desempenho zootécnico superior (ROI 8:1 on top vs. dieta controle sem o produto), enquanto as reformulações com LYSOFORTE® eXtend (com retirada de parte do óleo) apresentaram clara rentabilidade através da redução de custos de ração, manutenção da performance das aves e aumento de ROI (3:1 para reformulação de 60 Kcal/kg vs. dieta controle sem o produto).

O uso de LYSOFORTE® eXtend também reduziu a gordura abdominal das aves e melhorou o Índice de Durabilidade do Pellet (PDI). Estes resultados demonstraram toda a versatilidade do biossurfactante LYSOFORTE® eXtend como ferramenta para nutrição animal.

Figura 2. Efeito do LYSOFORTE® eXtend no desempenho (1-42d) de frangos de corte recebendo óleo de soja

biossurfactantes lysoforte kemin
biossurfactantes lysoforte kemin

*Controle Positivo – dieta padrão (CP); Controle Positivo + Lysoforte Extend (on top); Controle Negativo (CN1) (dieta padrão com redução de 60 kcal/kg); Controle Positivo reformulado com Lysoforte (matriz com redução de 60 kcal/kg); Controle Negativo (CN2) (dieta padrão com redução de 100 kcal/kg); Controle Positivo reformulado com Lysoforte (matriz com redução de 100 kcal/kg). Teste de Tukey a-b-c-d (P < 0,05).

CONCLUSÃO

A demanda por biocombustíveis é uma tendência mundial que deverá seguir crescendo. Neste contexto, a gestão de processos de compra e utilização de matérias primas na dieta animal é essencial para a manutenção da saúde financeira de qualquer companhia, tornando-se imprescindível o uso de ferramentas para contornar situações de aumento de custos e redução de oferta de produtos de qualidade, que são indispensáveis para a produção animal. A constante atenção e manutenção da qualidade e estabilidade dos óleos e gorduras é fundamental desde a origem até o comedouro e, para isso, as análises de rotina e o uso de soluções que mantenham esta estabilidade são de suma importância.

Além disso, é necessária a constante busca por alternativas e ferramentas para melhor custo/benefício, como os biossurfactantes eficientes, mantendo-se o alto desempenho produtivo.

Referências

Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Anuário estatístico brasileiro do petróleo, gás natural e biocombustíveis. Rio de Janeiro, 2019.
Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Óleo diesel passa a conter mínimo de 11% de biodiesel a partir de 1º de setembro. Agosto de 2019. Disponível em: <http://www.anp.gov.br/noticias/5298-oleo-diesel-passa-a-conter-minimo-de-11-de-biodiesel-a- partir-de-1-de-setembro>
Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (ABIOVE); Amaral, D. F. Soja e biodiesel no Brasil: conjuntura e perspectivas. VII Congresso da Rede Brasileira de Tecnologia e Inovação de Biodiesel. Florianópolis, 2019. Disponível em: < http://abiove.org.br/wp- content/uploads/2019/11/46.-Congresso-doBiodiesel.pdf>
Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA). SOJA/CEPEA: com procura maior que oferta, preço do óleo atinge recorde. Disponível em: < https://www.cepea.esalq.usp.br/br/diarias-de-mercado/sojacepea-com-procura-maior-que- oferta-preco-do-oleo-atinge-recorde.aspx> Referência interna Kemin TPAS-19-989
Resolução CNPE Nº 16 DE 29/10/2018. Diário Oficial da União (DOU) de 8 de Novembro de 2018. Disponível em: <https://www.legisweb.com.br/legislacao/?id=369098>

biossurfactantes lysoforte kemin
Relacionado com Nutrição Animal

MAIS CONTEÚDOS DE

Dados da empresa
cargill
Vetanco BR
abvista BR

REVISTA AVINEWS BRASIL

Assine agora a melhor revista técnica sobre avicultura

EDIÇÃO aviNews Brasil 3T 2022
Destinação correta das aves de descarte de reprodução, matrizes e de postura de ovos comerciais no final do ciclo

Destinação correta das aves de descarte de reprodução, matrizes e de postura de ovos comerciais no final do ciclo

Gustavo Triques
Importância da monitoria dos programas vacinais de Gumboro e Newcastle: Qual melhor momento da rotação de programa?

Importância da monitoria dos programas vacinais de Gumboro e Newcastle: Qual melhor momento da rotação de programa?

Tobias Filho
ICC: a inovação que alimenta o amanhã

ICC: a inovação que alimenta o amanhã

A importância dos dados Zootécnicos para as granjas produtoras de ovos

A importância dos dados Zootécnicos para as granjas produtoras de ovos

Diogo T. Ito
Vigilance Program uma poderosa ferramenta contra a Escherichia coli patogênica aviária

Vigilance Program uma poderosa ferramenta contra a Escherichia coli patogênica aviária

Fabrizio Matté
Alternativas de cereais para substituição parcial do milho na ração de aves – Parte II

Alternativas de cereais para substituição parcial do milho na ração de aves – Parte II

Dr. Elir Oliveira
Protocolo vacinal no incubatório e uniformidade do lote ampliam a produtividade avícola

Protocolo vacinal no incubatório e uniformidade do lote ampliam a produtividade avícola

Joyci Torres
EVANOVO®, a vacina que vai revolucionar a prevenção da Coccidiose aviária

EVANOVO®, a vacina que vai revolucionar a prevenção da Coccidiose aviária

Você está pronto para a Transformação Digital na avicultura?

Você está pronto para a Transformação Digital na avicultura?

Vinicius Teixeira
Extensão Rural: a força que vem do campo!

Extensão Rural: a força que vem do campo!

Kali Simioni
6ª FAVESU destaca os desafios e as oportunidades da Avicultura Nacional

6ª FAVESU destaca os desafios e as oportunidades da Avicultura Nacional

Juliano Rangel
A promoção que apoia as exportações

A promoção que apoia as exportações

Isis Sardella
O compromisso setorial e o papel de cada elo no Brasil

O compromisso setorial e o papel de cada elo no Brasil

Luis Rua
A jornada da sustentabilidade nas propriedades avícolas

A jornada da sustentabilidade nas propriedades avícolas

Luciana Abeid Ribeiro Dalmagro
Produção com responsabilidade

Produção com responsabilidade

Cleber Souza Martins
Biosseguridade na avicultura

Biosseguridade na avicultura

Tabatha Lacerda
Diferença na Fisiologia Embrionária entre as linhagens de Matrizes pesadas

Diferença na Fisiologia Embrionária entre as linhagens de Matrizes pesadas

Guilherme Seelent
Por que medir a taxa de fluxo (vazão) do bebedouro Nipple?

Por que medir a taxa de fluxo (vazão) do bebedouro Nipple?

Como atender à crescente demanda por proteínas livres de antibióticos?

Como atender à crescente demanda por proteínas livres de antibióticos?

Patrícia Marchizeli
Aerossaculite em frangos de corte: onde se iniciam e quais são os fatores envolvidos?

Aerossaculite em frangos de corte: onde se iniciam e quais são os fatores envolvidos?

Jorge Chacón

JUNTE-SE À NOSSA COMUNIDADE AVÍCOLA

Acesso a artigos em PDF
Mantenha-se atualizado com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente em versão digital

DESCUBRA
AgriFM - Os podcasts do setor agrícola em português
agriCalendar - O calendário de eventos do mundo agrícolaagriCalendar
agrinewsCampus - Cursos de formação para o setor agrícola e da pecuária