03 nov 2022

Como o avanço genético e a manutenção da qualidade do pintinho se relacionam com a sustentabilidade?

Devemos trabalhar de forma mais eficiente, antecipando necessidades do mundo que nos rodeia através de programas de melhoramento genético equilibrados.

Como o avanço genético e a manutenção da qualidade do pintinho se relacionam com a sustentabilidade?

A Hendrix Genetics, é uma empresa multi espécies animais líder mundial no setor de seleção genética, empenhada em agregar valor desde a reprodução até o consumidor final, tem como visão definir padrões de excelência para a reprodução animal sustentável, junto a toda cadeia de valor de proteína animal. Tem como missão apoiar o desafio de alimento no mundo mediante uma genética de grande qualidade. Todas as espécies animais da Hendrix Genetics possuem seu próprio programa de reprodução, cada um adaptado ao seu mercado.

Atualmente, no mundo são cerca de 7,9 bilhões de habitantes, destes, quase 830 milhões passam fome em todo o mundo, e para 2050 está estimado um crescimento demográfico para 9,7 bilhões de habitantes.. Estes dados colocam em evidência que não podemos seguir crescendo sem a reorientação e determinação de nossa estratégia para os próximos anos quanto a produção de alimento sustentável e consumo responsável.

avanço genético na qualidade do pintinho

avanço genético na qualidade do pintinhoDevemos trabalhar de forma mais eficiente, antecipando necessidades do mundo que nos rodeia através de programas de melhoramento genético equilibrados. Isso otimiza rendimentos, gerando valor para todas as partes da cadeia, capacitando para atender a demanda desde o produtor até o consumidor final de alimentos de forma segura e preservando os recursos do planeta para as gerações futuras.

De acordo com o último levantamento do setor realizado pela ABPA, no Brasil o consumo de ovos cresceu de 2007 a 2021 cerca de 96,1%, atingindo a marca de 257 unidades de ovos per capita, representando uma maior aceitação do ovo como alimento e alternativa acessível a população em crescimento.

O programa de melhoramento genético da Hendrix Genetics tem trilhado o caminho determinado pela demanda crescente por alimento, e eficiência produtiva, marcado pelo padrão produtivo de 500 ovos de qualidade por ave alojada ao final do ciclo de 100 semanas já estabelecido com êxito pelas galinhas da Hendrix Genetics no Brasil e em outros países do mundo.

avanço genético na qualidade do pintinho

Este marco representa um aumento de 43% de produção em relação às galinhas criadas na década de 1960, este em conjunto com:

O avanço tecnológico,

Continue após a publicidade.

Melhora na saúde,

Viabilidade das aves, e

Facilidade no manejo resultaram em aves que demandam menos recursos para produzir.

Este avanço tem se tornado protagonista em cenários como o atual onde enfrentamos a recuperação dos prejuízos econômicos pós pandemia, alta da taxa de inflação, conflito entre Rússia e Ucrânia, e surtos de Influenza aviária e Doença de Newcastle em diversos países pelo mundo.

O sucesso dos programas de melhoramento genético também dependem da colaboração dos diferentes parceiros da cadeia, inclusive do produtor final. É de suma importância que o produtor compreenda que o potencial produtivo e a galinha se desenvolve em grande parte durante o período de cria e recria das aves quando do primeiro dia de idade até a transferência, os pintainhos crescerão lentamente e o desenvolvimento dos órgãos ocorre em diferentes idades conforme ilustrado no esquema a seguir.

avanço genético na qualidade do pintinho

Considerando o tempo de 21 dias entre a incubação e nascimento, podemos considerar que para um período de recria de 18 semanas a incubação corresponde a cerca de 14% do período de vida da ave nesta fase inicial, logo é de suma importância que a qualidade sanitária, os padrões de incubação, nascimento, seleção e transporte estejam alinhados para a entrega de um pintainho de qualidade.

A definição de um pintainho de qualidade poderia ser facilmente descrita por um profissional do incubatório como aquele que se apresenta com:

As plumas secas, bem coradas e sem resquício de membranas ou casca ao nascimento

Ausência de deformações inclusive em patas e bicos,

Boa hidratação,

Umbigos fechados e bem cicatrizados,

Olhos brilhantes e com bom reflexo.

Entretanto a definição de um pintinho de qualidade depende muito do método de avaliação utilizado e do trabalho e experiência das pessoas envolvidas no processo tanto no incubatório como na granja.

Para os profissionais de campo e produtores de ovos já é de senso comum que a qualidade do pintinho é baseada principalmente na somatória entre observações e manejos, pois há pintinhos que apresentam todas estas características anteriormente descritas, mas ainda assim não se adaptam ao desafio sanitário, nutrição, manejo e ao sistema e ambiente onde foram alojados e não obtém um bom desempenho. Isso porque a qualidade do pintinho do ponto de vista prático se reflete a partir de uma combinação de observações desde o incubatório, transporte e na granja.

avanço genético na qualidade do pintinho

Além destes parâmetros visuais, o peso e a uniformidade dos pintainhos também são de suma importância e somado a estes, a mortalidade na primeira semana, e a massa corporal sem a gema (“yolk free body mass-YFBM”) são tidas como métodos práticos disponíveis para a avaliação da qualidade do pintainho, afinal o pintainho de qualidade deveria ser aquele que tenha tido boa absorção de gema, capaz de sobreviver, apresentar boa conversão alimentar, não necessitar do uso de antibióticos, e por fim ganhar peso e apresentar boa uniformidade ao final da recria para que se obtenha bons resultados produtivos e de aproveitamento de ovos durante o período de produção trazendo rentabilidade ao produtor de ovos.

Com relação à análise da massa corporal sem a gema (YFBM), um pequeno saco vitelino é preferível, pois indica condições ambientais ideais nas incubadoras e nascedouros. Também indica a capacidade do embrião de utilizar os componentes da gema para formar músculo e osso. Vários estudos mostraram uma relação positiva entre o peso corporal sem gema e o desempenho subsequente da ave após alojamento, sendo uma porcentagem aceitável do saco vitelino para o peso corporal é de 10% ou menos.

[caption id="attachment_143090" align="aligncenter" width="451"]avanço genético na qualidade do pintinho https://layinghens.hendrix-genetics.com/en/articles/yolk-free-body-mass/[/caption]

O crescimento do pintainho pode ser dividido nas seguintes etapas conforme ilustrado na figura 1:

As primeiras 3 semanas são dedicadas ao desenvolvimento dos órgãos e do sistema imunológico;

Da semana 3 à semana 6, o esqueleto e os músculos estão crescendo. Peso corporal em 5/6 semanas é o mais importante determinante da qualidade das frangas. Qualquer atraso no crescimento nesta fase é prejudicial para as aves, pois terá um impacto prejudicial na qualidade das frangas e na composição corporal, o que, por sua vez, impactará negativamente o desempenho das aves;

Da semana 6 à semana 15 o crescimento está começando a desacelerar;

O estágio final é caracterizado pelo desenvolvimento dos ovários e crescimento rápido desses órgãos. Regulação hormonal sexual ocorre por volta das 18 semanas e leva à maturidade sexual por volta dessa idade.

avanço genético na qualidade do pintinho

É de suma importância que um pintainho se desenvolva e se torne uma franga de qualidade respeitando estas etapas do crescimento da ave. Por esta razão os procedimentos básicos de manejo, nutrição, sanidade, ambiência e escolha da genética devem ser coerentes com a realidade de cada granja de modo a favorecer o desenvolvimento correto da ave durante o período de recria.

A tecnologia está avançando rapidamente ao nosso redor, mesmo na agricultura. A automação agrícola continuará sendo uma área chave de foco para aliviar a dependência do trabalho agrícola em toda a cadeia de valor da proteína.

Em particular para a Hendrix Genetics como uma empresa de melhoramento genético, dados conectados e rastreamento do desempenho da cadeia de valor têm o potencial de levar o progresso genético a um novo nível. Seleção genômica em tempo real e edição genética, bem como Inteligência Artificial (IA) são áreas que já estão começando a dar saltos gigantescos no progresso genético. O esforço para a melhoria contínua em todos os processos primários internos terá uma importante contribuição para o objetivo da Hendrix de servir o mundo com proteína de alta qualidade.

As equipes de assistência técnica da Hendrix Genetics e seus parceiros estratégicos, colaboram estreitamente com os clientes, para que todo o potencial genético seja alcançado. Desenvolver as melhores soluções envolve prática, ouvir e entender. Acreditamos em relacionamentos bilaterais em todos os aspectos do nosso trabalho para obter e compartilhar informações. Isso nos permite compreender, e assim atender melhor os nossos clientes.

avanço genético na qualidade do pintinho

[caption id="attachment_120061" align="aligncenter" width="380"]Hendrix logo Acesse o site!![/caption]

Relacionado com Reprodução e Genética

REVISTA AVINEWS BRASIL

Assine agora a melhor revista técnica sobre avicultura

EDIÇÃO aviNews Brasil 3T 2022
Destinação correta das aves de descarte de reprodução, matrizes e de postura de ovos comerciais no final do ciclo

Destinação correta das aves de descarte de reprodução, matrizes e de postura de ovos comerciais no final do ciclo

Gustavo Triques
Importância da monitoria dos programas vacinais de Gumboro e Newcastle: Qual melhor momento da rotação de programa?

Importância da monitoria dos programas vacinais de Gumboro e Newcastle: Qual melhor momento da rotação de programa?

Tobias Filho
ICC: a inovação que alimenta o amanhã

ICC: a inovação que alimenta o amanhã

A importância dos dados Zootécnicos para as granjas produtoras de ovos

A importância dos dados Zootécnicos para as granjas produtoras de ovos

Diogo T. Ito
Vigilance Program uma poderosa ferramenta contra a Escherichia coli patogênica aviária

Vigilance Program uma poderosa ferramenta contra a Escherichia coli patogênica aviária

Fabrizio Matté
Alternativas de cereais para substituição parcial do milho na ração de aves – Parte II

Alternativas de cereais para substituição parcial do milho na ração de aves – Parte II

Dr. Elir Oliveira
Protocolo vacinal no incubatório e uniformidade do lote ampliam a produtividade avícola

Protocolo vacinal no incubatório e uniformidade do lote ampliam a produtividade avícola

Joyci Torres
EVANOVO®, a vacina que vai revolucionar a prevenção da Coccidiose aviária

EVANOVO®, a vacina que vai revolucionar a prevenção da Coccidiose aviária

Você está pronto para a Transformação Digital na avicultura?

Você está pronto para a Transformação Digital na avicultura?

Vinicius Teixeira
Extensão Rural: a força que vem do campo!

Extensão Rural: a força que vem do campo!

Kali Simioni
6ª FAVESU destaca os desafios e as oportunidades da Avicultura Nacional

6ª FAVESU destaca os desafios e as oportunidades da Avicultura Nacional

Juliano Rangel
A promoção que apoia as exportações

A promoção que apoia as exportações

Isis Sardella
O compromisso setorial e o papel de cada elo no Brasil

O compromisso setorial e o papel de cada elo no Brasil

Luis Rua
A jornada da sustentabilidade nas propriedades avícolas

A jornada da sustentabilidade nas propriedades avícolas

Luciana Abeid Ribeiro Dalmagro
Produção com responsabilidade

Produção com responsabilidade

Cleber Souza Martins
A Biosseguridade na avicultura

A Biosseguridade na avicultura

Tabatha Lacerda
Diferença na Fisiologia Embrionária entre as linhagens de Matrizes pesadas

Diferença na Fisiologia Embrionária entre as linhagens de Matrizes pesadas

Guilherme Seelent
Por que medir a taxa de fluxo (vazão) do bebedouro Nipple?

Por que medir a taxa de fluxo (vazão) do bebedouro Nipple?

Como atender à crescente demanda por proteínas livres de antibióticos?

Como atender à crescente demanda por proteínas livres de antibióticos?

Patrícia Marchizeli
Aerossaculite em frangos de corte: onde se iniciam e quais são os fatores envolvidos?

Aerossaculite em frangos de corte: onde se iniciam e quais são os fatores envolvidos?

Jorge Chacón

JUNTE-SE À NOSSA COMUNIDADE AVÍCOLA

Acesso a artigos em PDF
Mantenha-se atualizado com nossas newsletters
Receba a revista gratuitamente em versão digital

DESCUBRA
AgriFM - Os podcasts do setor agrícola em português
agriCalendar - O calendário de eventos do mundo agrícolaagriCalendar
agrinewsCampus - Cursos de formação para o setor agrícola e da pecuária